Ortopedia

Ortopedia para Diabetes e Feridas

A diabetes é muito mais que um desequilíbrio na quantidade de açúcar no sangue. É uma condição que causa mau funcionamento do organismo e dificulta muito a cicatrização de ferimentos e machucados. Os pés são uma das regiões do corpo que mais sofrem atrito causados pelas meias e sapatos. Além disso, eles também sustentam o peso do corpo todo e podem acabar sofrendo pequenas lesões e feridas constantes, como unhas encravadas, por exemplo. No caso de um paciente com diabetes, essas feridas não cicatrizam naturalmente e podem se tornar ferimentos mais sérios, caso não sejam tratados. Esse é o chamado “pé diabético”, que é tratado na ortopedia para diabetes e feridas.

ENCONTRE UM ESPECIALISTA

O que é ortopedia para diabéticos?

A diabetes é muito mais que um desequilíbrio na quantidade de açúcar no sangue. É uma condição que causa mau funcionamento do organismo e dificulta muito a cicatrização de ferimentos e machucados.

Os pés são uma das regiões do corpo que mais sofrem atrito causados pelas meias e sapatos. Além disso, eles também sustentam o peso do corpo todo e podem acabar sofrendo pequenas lesões e feridas constantes, como unhas encravadas, por exemplo. No caso de um paciente com diabetes, essas feridas não cicatrizam naturalmente e podem se tornar ferimentos mais sérios, caso não sejam tratados. Esse é o chamado “pé diabético”, que é tratado na ortopedia para diabetes e feridas.

Além disso, os pacientes com diabetes costumam possuir uma menor sensibilidade na região dos pés e das pernas, inclusive com a possibilidade de diminuição do fluxo sanguíneo para essa área. Muitas vezes, nem os próprios pacientes notam que possuem lesões ou feridas.

Cerca de 15% dos pacientes brasileiros diagnosticados com diabetes sofrem desses problemas.

É por esse motivo que alguns médicos da Ortopedia optaram por se tornar especialistas em ortopedia para diabetes, aprendendo a prevenir doenças e problemas, diagnosticar condições e oferecer tratamentos que não afetem ou interfiram no acompanhamento contínuo do diabetes.

Para realizar a prevenção de problemas nos pés, pacientes que forem diagnosticados com diabetes devem analisar suas extremidades diariamente. Ao menor sinal de lesões, feridas, frieiras, rachaduras, calos e cortes, devem procurar um especialista em ortopedia de diabetes e feridas para que ele analise e indique formas de tratar a região, evitando que o quadro evolua para algo mais grave.

A ortopedia para diabetes e feridas informa que pacientes com diabetes também devem evitar caminhar descalços em regiões com água, como praias e piscinas, além de manter os pés constantemente limpos e hidratados. Por fim, ao invés de tratar dos pés dentro de casa ou em uma pedicure, é recomendado que o asseamento da região em pacientes diabéticos deve ser realizado por um podólogo com maior nível de conhecimento sobre patologias que podem afetar a região.

A Rede D’Or São Luiz possui especialistas em ortopedia para diabetes e feridas, além de endocrinologistas, espalhados em hospitais, ambulatórios e consultórios médicos nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Pernambuco, Maranhão, Bahia e o Distrito Federal. Ao todo, a Rede D’Or São Luiz conta com mais de 87 mil profissionais médicos, preparados para oferecer atendimento de qualidade e excelência para todos os públicos.