Plano Maternidade

Para a mamãe que está sem convênio ou cujo plano não dá cobertura à nossa Maternidade, o São Luiz criou o Plano Maternidade, que oferece um atendimento com alto padrão de qualidade, tecnologia de ponta, ampla infraestrutura, profissionais conceituados e, ainda, facilidades no pagamento.

Dúvidas sobre o Plano Maternidade: (11) 2777-1100, de segunda a sexta-feira, das 8h às 22h, e aos sábados, das 8h às 15h. Após este horário, envie e-mail para concierge.hsc@saoluiz.com.br com seu nome e telefone, que entraremos em contato.

Benefícios do Plano Maternidade

Para as mamães:

  • Internação no Hospital e Maternidade São Luiz, por no máximo três diárias de apartamento
  • Anestesia – utilização dos equipamentos
  • Aspirador a vácuo
  • Bisturi eletrônico – bipolar
  • Cardioscopia – monitorização
  • Cateterismo – sonda vesical
  • Cuidados no pré e pós-operatórios
  • Curativo grande – materiais e serviço
  • Curativo médio – materiais e serviço
  • Curativo no Centro Obstétrico
  • Curso para Gestantes extensivo
  • Enteroclisma
  • Exame do grupo sanguíneo ABO e RH
  • Fenotipagem
  • Inalação com oxigênio
  • Internação em apartamento com banheiro privativo e direito a acompanhante, com telefone, televisão, ar-condicionado e frigobar
  • Medicamentos e materiais consumidos durante o parto
  • Monitoração de PA não invasiva
  • Monitorização fetal
  • Oxigênio na sala de cirurgia – 5 a 10 litros
  • Oxigênio de pulso com monitor de saturação
  • Pacote com desconto de estacionamento (Estapar) para acompanhante (três diárias, entrada e saída livres)
  • Filmagem do parto
  • Sala de parto, em qualquer hora do dia ou da noite, inclusive aos sábados, domingos e feriados, por duas horas e meia
  • Sala de pré-parto
  • Serviços de enfermagem
  • Taxa administrativa
  • Taxa de antissepsia
  • Taxa de desinfecção terminal do apartamento
  • Taxa de paramentação para o parto
  • Teste de Coombs indireto
  • Três principais refeições para o acompanhante (três diárias)
  • Ultrassom simples (um exame)

Para o bebê:

  • Três diárias de berçário normal
  • Berçário – material de admissão
  • Curativos diários no berçário (três)
  • Exame de bilirrubina
  • Exame de glicose
  • Exame do grupo sanguíneo ABO e RH
  • Fenotipagem
  • Um dia de fototerapia
  • Honorários médicos da equipe de neonatologia, em berçário normal, durante as três primeiras diárias
  • Medicamentos e materiais em berçário normal
  • Sala de admissão
  • Serviços de enfermagem
  • Taxa administrativa
  • Taxa de fraldas
  • Teste de Coombs direto
  • Teste de hipotireoidismo congênito

Quando fazer o Plano Maternidade

É recomendável que a mamãe adquira o Plano Maternidade entre o quarto mês e a 34ª semana de gestação. Após as 34 semanas, é necessária autorização da Diretoria Clínica do São Luiz. No momento da assinatura do contrato, é importante vir acompanhada por um responsável.

Para aderir ao Plano Maternidade, é imprescindível que o obstetra que acompanha a mamãe no pré-natal forneça um laudo contendo dados do acompanhamento (data provável do parto, data da última menstruação, medicamentos em uso durante o pré-natal e intercorrências eventuais) para as devidas avaliações da Coordenadoria Clínica do São
Luiz.

O Plano Maternidade pode ser pago à vista ou dividido em até cinco parcelas reajustadas mensalmente pelo IGP-M ou índice oficial que o substitua. A primeira parcela vence na data da assinatura do contrato e as demais parcelas nos mesmos dias dos meses subsequentes, devendo ser pagas na rede bancária.

Se houver necessidade de internação antecipada, tanto as parcelas vencidas como as parcelas restantes do plano deverão ser pagas no ato da internação.

Tudo o que você precisa saber sobre o Plano Maternidade

O Plano Maternidade é válido apenas para gestação única. A adesão não é possível para gêmeos. Estão excluídos do Plano Maternidade:

  • A utilização de aparelhos no Centro Obstétrico (exceto os descritos na relação dos benefícios da mãe)
  • Vacina anti-RH
  • Transfusões de sangue
  • Honorários médicos do obstetra e sua equipe e do anestesista
  • Exames radiológicos e ultrassonográficos
  • Exames, procedimentos, equipamentos e aparelhos não citados na relação dos benefícios da mãe
  • Berçário para gêmeos, berçário de alto risco, UTI, bem como todos os materiais, medicamentos, equipamentos, procedimentos e aparelhos usados na UTI
  • Permanência da mãe e do recém-nascido após o terceiro dia, bem como qualquer exame, material, medicamento, procedimento, equipamento e aparelhos usados pela parturiente ou pelo RN após esse período
  • Os materiais e medicamentos consumidos no Centro Obstétrico e nas unidades (apartamentos ou berçários), aparelhos, procedimentos e instrumental cirúrgico
    não previstos na relação dos benefícios da mãe – originados de intercorrências clínicas ou cirúrgicas ocorridas durante a gravidez, que necessitarem ou não de internação – também são considerados despesas extraordinárias e não estão inclusos no Plano Maternidade.
  • No caso de as acomodações previstas para a parturiente estarem ocupadas no ato da internação, ela será internada em acomodação superior, sem nenhum ônus
  • Não haverá reembolso por quaisquer serviços que eventualmente sejam utilizados pela parturiente
  • Qualquer intercorrência com o recém-nascido fora do previsto para um parto normal ou cesariana será creditada a favor do contratante e convertida em crédito de abatimento no pagamento das despesas extraordinárias previstas no contrato