Aprendendo através da discussão de Casos Clínicos

Saiba mais sobre o curso de Atualização em Clínica Médica do IDOR.

O curso de Atualização em Clínica Médica Baseado em Casos Clínicos tem como foco a discussão profunda de casos reais de pacientes acompanhados no cotidiano clínico. Afinal, o conhecimento médico vai muito além da leitura e interpretação de texto, ele está na vivência, na troca com colegas e também na escuta de pacientes, que trazem dificuldades do cotidiano. Por isso, a melhor forma de se desenvolver o conhecimento é discutindo os casos clínicos.

A expansão do número de instituições de ensino em medicina e o aumento exponencial de médicos recém formados gera uma busca maior por cursos de atualização. Dessa forma, o curso oferecido pelo IDOR dispõe de grande possibilidade de troca de informações, tornando a discussão de casos mais dinâmica e ampla. Por estar ligado à RDSL, maior rede de hospitais privados do Brasil, o IDOR visa a excelência de seus funcionários e do corpo docente, mostrando grande destaque na área de ensino nacional. 

O curso tem como dinâmica de aula o envio de textos em formato PDF com as atualizações e casos clínicos a serem discutidos presencialmente. São utilizados instrumentos disponíveis na busca online para orientar a forma de estudo mais eficaz, deixando o aluno independente para seguir seu aprendizado na área de clínica médica. Ademais, todo o corpo docente, composto por neurologistas, gastroenterologistas e hepatologistas, tem especialização em clínica médica. A maior parte do corpo docente tem formação e atua na área de clínica médica no Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de São Paulo (HCFMUSP), além de contar com profissionais da UFRJ, UFF, e os Hospitais Copa D’Or e Copa Star, no Rio de Janeiro. 

“A clínica médica é a base da medicina”, diz Rodrigo Badin, coordenador do curso, “Um profissional que se aprofunda na discussão de casos clínicos, aprimora sua capacidade técnica”. O resultado disso é o preparado para a vida prática em qualquer especialidade clínica. Ao final, o aluno estará habilitado para atuar com mais segurança principalmente nos ambientes de enfermaria e ambulatório, pois o curso busca formar o aluno a “escutar com atenção, se dedicar ao caso, compartilhar dúvidas e ideias e se preocupar com o paciente. Ou seja, ser médico”, comenta Badin. Assim, além de estar atualizado, o aluno sairá com instrumentos de estudo que permitirão resolver casos de forma independente.

Saiba mais sobre o curso e inscreva-se aqui!

Veja também