Em ascensão: mercado na área de Farmácia Hospitalar exige profissionais especializados

farmacia hospitalar

Visando capacitar farmacêuticos em exigências práticas e acadêmicas na área, o IDOR abre inscrições para nova turma da Pós-Graduação em Farmácia Clínica e Hospitalar.

Com notável relevância no mercado e no cotidiano das pessoas, a área farmacêutica é um dos pilares de maior desenvolvimento no âmbito da saúde. Porém, o aumento das atuações no campo exige dos profissionais práticas que não são aprendidas apenas com o ensino superior. Analisando a farmácia a partir do cenário hospitalar, o papel do farmacêutico é crucial no tratamento e segurança dos pacientes, além de estar relacionado à gestão de medicamentos e administração de recursos, que chegam a representar mais de 10% dos custos hospitalares, segundo dados da Associação Nacional de Hospitais Privados (Anahp).

Em amplo desenvolvimento, o mercado relacionado à farmácia hospitalar possui como motivadores naturais o aumento da expectativa de vida da população e as novas tecnologias envolvidas nos tratamentos médicos, além de uma latente exigência de melhoria na prestação dos serviços hospitalares. O aumento da demanda na área, porém, também exige dos profissionais farmacêuticos maior qualificação e obtenção de competências multidisciplinares, como conhecimentos clínicos e habilidades em gestão, tendo em vista que precisarão ser responsáveis pelo eficiente armazenamento, controle e distribuição de medicamentos nas unidades hospitalares em que atuam.

Atentando ao suprimento das novas exigências desse mercado, o Instituto D’Or de Pesquisa e Ensino (IDOR) oferece regularmente a Pós-Graduação em Farmácia Clínica e Hospitalar, curso idealizado e coordenado pelo Mestre e Prof. Romulo Mendonça Carvalho. “Há uma enorme lacuna na graduação do profissional farmacêutico em relação a área de concentração do curso. Além disso, houve uma notória evolução dos serviços médicos hospitalares no nosso país nos últimos anos, e com isso a necessidade de farmacêuticos capazes de gerir complexos serviços de farmácia hospitalar e aplicar farmácia clínica na assistência aos pacientes internados”, relata o coordenador.

A Pós-graduação possui duração de 18 meses e divide sua carga horária em abordagens teóricas e práticas, incluindo em seu programa visitas técnicas nas Unidades Hospitalares da Rede D’Or São Luiz (RDSL). O curso tem como principal objetivo capacitar profissionais da área no desempenho de atividades de alto nível em unidades hospitalares. “O corpo docente é formado em sua maioria por mestres e doutores, que além de docentes também trabalham no cotidiano de serviços médicos hospitalares de diversas instituições, incluindo em outros estados. Esses professores lidam diretamente com a assistência aos pacientes internados, e conseguem transmitir suas experiências práticas em sala de aula”, informa o Prof. Romulo.

As aulas começam no dia 14 de setembro de 2019, ocorrendo sempre em sábados alternados, das 8h30 às 17h30. O curso será dividido em 3 módulos: Farmácia Hospitalar, Farmácia Clínica e Metodologia da Pesquisa. As aulas ocorrem principalmente no Centro de Ensino e Treinamento IDOR, no Rio de Janeiro,mas também ocorrem visitas técnicas em algumas Unidades Hospitalares da RDSL. “Ao final do curso o profissional será capaz de gerenciar serviços de farmácia hospitalar, e prestar assistência em farmácia clínica a pacientes internados em unidades hospitalares. Trata-se de uma formação ampla e completa, que atende as necessidades do mercado e trará um posicionamento de carreira muito diferenciado para os profissionais que concluírem a Pós-graduação”, conclui o coordenador do programa. Para saber mais sobre as inscrições e o programa da Pós, acesse à página do curso clicando aqui.