Neutropenia

O que é neutropenia?

A neutropenia é caracterizada pela redução do número de neutrófilos do organismo. Os neutrófilos são um tipo de glóbulo branco, importantes para o sistema de defesa do organismo, ao atuar destruindo bactérias e outros invasores que podem causar infecções e doenças em nosso corpo.

Durante o tratamento do câncer, a neutropenia pode acontecer principalmente como um efeito colateral da quimioterapia. Quanto à radioterapia, se realizada em pontos do corpo que contenham medula óssea (local de produção dos neutrófilos), tais como a coluna vertebral e quadris, a neutropenia também pode ser desencadeada. 

Contudo, essa condição pode ocorrer por alterações ligadas diretamente à própria doença, como é o caso dos pacientes portadores de alguns tipos de leucemias em que há um distúrbio na produção dessas células. 

A neutropenia pode ser classificada como leve, moderada ou grave, dependendo diretamente da contagem de neutrófilos presentes no sangue do paciente, que é avaliada por meio de exame de sangue. Por conta do risco de neutropenia, exames de sangue são solicitados com regularidade  durante o tratamento oncológico.

 

Como se deve tratar a neutropenia?

Se causada pelo tratamento oncológico, a neutropenia tende a melhorar após a interrupção dos tratamentos responsáveis pela redução do número de neutrófilos. A depender da intensidade do quadro, o médico pode optar por adiar o próximo ciclo, realizar modificações de doses do esquema quimioterápico ou ainda prescrever medicações que estimulam a produção dos neutrófilos. 

O maior risco da neutropenia é deixar o indivíduo mais propenso a infecções bacterianas. Portanto, se o paciente apresenta febre ou evidência de infecção durante um quadro de neutropenia, é necessário atendimento médico de urgência e início de medicações para proteger o organismo de uma possível infecção bacteriana que é potencialmente grave, nesse contexto.

Algumas atitudes são recomendadas para reduzir os riscos de infecção durante a neutropenia, como: 

  • Permanecer em ambientes bem arejados, evitar locais fechados e cheios; 
  • Evitar ao máximo contato com outros indivíduos que passaram por doenças recentes, ainda que tenha sido uma leve gripe ou um resfriado;
  • Lavar as mãos antes de manusear alimentos, antes e depois de comer, depois de usar o banheiro, tossir ou espirrar nas mãos; 
  • Não ingerir alimentos crus de locais que você não conheça a procedência; Não ingerir carnes cruas;
  •  Não realizar nenhum tratamento dentário sem autorização do seu médico; 
  • Se tiver sangramento ou mal estar, tosse, calafrios e/ou febre (temperatura corporal maior ou igual a 37,8 °C), comunique a equipe médica imediatamente. 

 

A Oncologia D’Or é referência no atendimento oncológico de excelência e está presente nos estados de Rio de Janeiro, São Paulo, Distrito Federal, Pernambuco, Tocantins, Ceará e Bahia.