array(57) { ["SERVER_SOFTWARE"]=> string(6) "Apache" ["REQUEST_URI"]=> string(60) "/instituto/idoro-primeiro-caso-de-reinfeccao-por-sars-cov-2/" ["PHP_PATH"]=> string(24) "/opt/bitnami/php/bin/php" ["FREETDSLOCALES"]=> string(0) "" ["FREETDSCONF"]=> string(0) "" ["OPENSSL_ENGINES"]=> string(31) "/opt/bitnami/common/lib/engines" ["OPENSSL_CONF"]=> string(39) "/opt/bitnami/common/openssl/openssl.cnf" ["SSL_CERT_FILE"]=> string(52) "/opt/bitnami/common/openssl/certs/curl-ca-bundle.crt" ["CURL_CA_BUNDLE"]=> string(52) "/opt/bitnami/common/openssl/certs/curl-ca-bundle.crt" ["LDAPCONF"]=> string(42) "/opt/bitnami/common/etc/openldap/ldap.conf" ["GS_LIB"]=> string(43) "/opt/bitnami/common/share/ghostscript/fonts" ["MAGICK_CODER_MODULE_PATH"]=> string(60) "/opt/bitnami/common/lib/ImageMagick-6.9.8/modules-Q16/coders" ["MAGICK_CONFIGURE_PATH"]=> string(73) "/opt/bitnami/common/lib/ImageMagick-6.9.8/config-Q16:/opt/bitnami/common/" ["MAGICK_HOME"]=> string(19) "/opt/bitnami/common" ["PATH"]=> string(260) "/opt/bitnami/apps/wordpress/bin:/opt/bitnami/varnish/bin:/opt/bitnami/sqlite/bin:/opt/bitnami/php/bin:/opt/bitnami/mysql/bin:/opt/bitnami/letsencrypt/:/opt/bitnami/apache2/bin:/opt/bitnami/common/bin:/usr/local/sbin:/usr/local/bin:/usr/sbin:/usr/bin:/sbin:/bin" ["USER"]=> string(6) "daemon" ["HOME"]=> string(9) "/usr/sbin" ["SCRIPT_NAME"]=> string(10) "/index.php" ["QUERY_STRING"]=> string(0) "" ["REQUEST_METHOD"]=> string(3) "GET" ["SERVER_PROTOCOL"]=> string(8) "HTTP/1.0" ["GATEWAY_INTERFACE"]=> string(7) "CGI/1.1" ["REDIRECT_URL"]=> string(60) "/instituto/idoro-primeiro-caso-de-reinfeccao-por-sars-cov-2/" ["REMOTE_PORT"]=> string(5) "43822" ["SCRIPT_FILENAME"]=> string(44) "/opt/bitnami/apps/wordpress/htdocs/index.php" ["SERVER_ADMIN"]=> string(15) "you@example.com" ["CONTEXT_DOCUMENT_ROOT"]=> string(34) "/opt/bitnami/apps/wordpress/htdocs" ["CONTEXT_PREFIX"]=> string(0) "" ["REQUEST_SCHEME"]=> string(4) "http" ["DOCUMENT_ROOT"]=> string(34) "/opt/bitnami/apps/wordpress/htdocs" ["REMOTE_ADDR"]=> string(13) "15.229.25.218" ["SERVER_PORT"]=> string(2) "80" ["SERVER_ADDR"]=> string(13) "172.26.13.183" ["SERVER_NAME"]=> string(13) "54.225.48.228" ["SERVER_SIGNATURE"]=> string(0) "" ["LD_LIBRARY_PATH"]=> string(410) "/opt/bitnami/sqlite/lib:/opt/bitnami/mysql/lib:/opt/bitnami/apache2/lib:/opt/bitnami/common/lib:/opt/bitnami/sqlite/lib:/opt/bitnami/mysql/lib:/opt/bitnami/apache2/lib:/opt/bitnami/common/lib:/opt/bitnami/varnish/lib:/opt/bitnami/varnish/lib/varnish:/opt/bitnami/varnish/lib/varnish/vmods:/opt/bitnami/sqlite/lib:/opt/bitnami/mysql/lib:/opt/bitnami/apache2/lib:/opt/bitnami/common/lib:/opt/bitnami/common/lib64" ["HTTP_ACCEPT_ENCODING"]=> string(7) "br,gzip" ["HTTP_VIA"]=> string(64) "1.1 5035c434ac92f0eed9f2b400824fa6e8.cloudfront.net (CloudFront)" ["HTTP_X_AMZ_CF_ID"]=> string(56) "UX4tO6yvz4se1gozil-IOadDV84yfsLwtdxXDLQ2QvFj2gRe1_4YMQ==" ["HTTP_USER_AGENT"]=> string(17) "Amazon CloudFront" ["HTTP_X_AMZN_TRACE_ID"]=> string(40) "Root=1-62f3ddba-440ef6a5396c5d523cc1769d" ["HTTP_X_FORWARDED_PORT"]=> string(2) "80" ["HTTP_CONNECTION"]=> string(5) "close" ["HTTP_X_FORWARDED_PROTO"]=> string(4) "http" ["HTTP_X_FORWARDED_FOR"]=> string(39) "3.229.124.74, 64.252.67.79, 10.247.46.6" ["HTTP_X_REAL_IP"]=> string(11) "10.247.46.6" ["HTTP_X_FORWARDED_HOST"]=> string(25) "www.rededorsaoluiz.com.br" ["HTTP_HOST"]=> string(13) "54.225.48.228" ["SCRIPT_URI"]=> string(80) "http://54.225.48.228/instituto/idoro-primeiro-caso-de-reinfeccao-por-sars-cov-2/" ["SCRIPT_URL"]=> string(60) "/instituto/idoro-primeiro-caso-de-reinfeccao-por-sars-cov-2/" ["REDIRECT_STATUS"]=> string(3) "200" ["REDIRECT_SCRIPT_URI"]=> string(80) "http://54.225.48.228/instituto/idoro-primeiro-caso-de-reinfeccao-por-sars-cov-2/" ["REDIRECT_SCRIPT_URL"]=> string(60) "/instituto/idoro-primeiro-caso-de-reinfeccao-por-sars-cov-2/" ["FCGI_ROLE"]=> string(9) "RESPONDER" ["PHP_SELF"]=> string(10) "/index.php" ["REQUEST_TIME_FLOAT"]=> float(1660149179.0985) ["REQUEST_TIME"]=> int(1660149179) }

O primeiro caso de reinfecção por Sars-CoV-2

O primeiro caso de reinfecção por Sars-CoV-2

Homem chega a Hong Kong da Espanha e tem resultado positivo para Sars-CoV-2 em agosto, após ter se curado de Covid-19 em março.

Alguns casos de reinfecção por Sars-CoV-2 estão sendo relatados nos últimos meses. Neste mês, um homem que voltava da Espanha para Hong Kong foi confirmado via testagem de PCR. O viajante chegou ao seu país infectado e assintomático, mais de 4 meses após ter apresentado um quadro de Covid-19. O resultado deste achado está em diversas mídias em inglês, e também foi circulado no Brasil em revistas como El PaísPiauíBBC. Até então, não havia registro tão evidente de reinfecção por Sars-CoV-2, apenas estava confirmado que algumas pessoas podem seguir com o vírus no corpo por certo tempo, enquanto se recuperam da Covid-19.

A testagem genética do vírus em Hong Kong confirmou a reinfecção, sendo que  a primeira contaminação do paciente deveu-se a uma cepa – variedade genética – do Sars-CoV-2 semelhante à que circulava na Ásia em março e abril; enquanto a segunda infecção correspondeu a uma cepa que está em circulação na Europa desde julho. Ou seja, a linhagem viral desta última testagem não existia quando o paciente foi infectado em março. Na primeira infecção o paciente foi internado, devido aos sintomas da doença, e na época a coleta de material viral foi submetida ao sequenciamento genético, assim como aconteceu na segunda testagem, por isso pôde-se comparar os resultados.

Agora questões pairam na discussão sobre a imunidade da população. Uma delas é se pessoas que reincidem na infecção podem também transmitir o vírus, como é comprovado na primeira infecção. Também é importante avaliar se a capacidade de mutação do vírus inviabilizaria alcançarmos a imunidade de rebanho e se isso exigiria da vacinação aplicações mais frequentes na população.

Mas, apesar de todo esse alarme, há esperança! Pesquisadores entendem que o paciente possa ter desenvolvido imunidade, sendo capaz de enfrentar melhor o vírus na segunda infecção, já que ele estava assintomático. O pior seria se ficasse assintomático na primeira vez que se infectou e precisasse de suporte respiratório na segunda infecção. Ou seja, se a reinfecção teria um cenário pior na segunda, mas não foi esse o caso. De qualquer maneira, ainda faltam mais relatos e pesquisas para que possamos entender com mais detalhes o comportamento da reinfecção. Seguimos estudando, e esperando a vacina.

Por Luiza Mugnol Ugarte

Quer receber as notícias do IDOR pelo WhatsApp? Clique aqui, salve o nosso número e mande uma mensagem com seu nome completo. Para cancelar, basta pedir!

31.08.2020

Conteúdo Relacionado