Câncer de Ovário

O que é câncer de ovário?

O câncer nos ovários acontece quando uma paciente desenvolve um crescimento desordenado e acelerado de um grupo de células anormais, resultando no crescimento de nódulos e na formação de um tumor localizado nas gônadas femininas.

 

Quais os fatores de risco do câncer de ovário?

Além dos fatores de risco que influenciam em qualquer tipo de câncer, como o tabagismo e o alcoolismo, o câncer de ovário também possui fatores de risco, como a idade, o uso de hormônios – como os provenientes de medicamentos anticoncepcionais-, a infertilidade, a menarca precoce e a menopausa tardia, além de obesidade e histórico familiar.

 

Quais os sintomas de câncer de ovário?

Inicialmente, o câncer de ovário dificilmente apresenta sintomas. Mas quando o tumor passa a se desenvolver, a paciente pode acabar sentindo fortes dores abdominais, além de uma pressão constante na região baixa do abdômen.

Outros sintomas incluem inchaços na barriga, nas pernas e no ventre, prisão de ventre ou diarreia, gases, náuseas e vômitos, perda de peso, além de cansaço frequente e sem motivo.

 

Quais exames confirmam o câncer de ovário?

Uma vez que haja a suspeita de câncer de ovário, o médico ginecologista inicia a investigação por meio de exames como o ultrassom de pelve e o transvaginal, além da tomografia computadorizada.

Caso as imagens mostrem o surgimento de algum tumor ou massa, podem ser realizadas biópsias, por exemplo, para conferir se a paciente realmente está sofrendo de câncer de ovário.

 

Como é o tratamento do câncer de ovário?

Geralmente, o câncer de ovário é tratado por meio de cirurgia e quimioterapia, sendo que cabe ao médico oncologista, com o auxílio do ginecologista, realizar o diagnóstico da paciente, o estadiamento do câncer e como seu desenvolvimento será contido.

A Oncologia D’Or é uma rede de mais de 40 clínicas espalhadas pelos estados de Rio de Janeiro, São Paulo, Distrito Federal, Tocantins, Ceará e Bahia.

As clínicas da Rede D’Or São Luiz estão preparadas para oferecer ao paciente um tratamento oncológico de excelência, auxiliando na contenção dos sintomas e na melhora da qualidade de vida.