Sarcoma de Ewing

O que é sarcoma de Ewing?

O câncer é um conjunto de doenças com sintomas similares, mas desenvolvimentos e respostas a tratamentos que são bem diferentes uns dos outros. O câncer é caracterizado pelo crescimento acelerado e desordenado de um grupo de células consideradas anormais.

Quando esse crescimento acontece em um osso ou em algum tecido mole do corpo humano, a pessoa pode vir a ser diagnosticada com um sarcoma de Ewing.

O sarcoma de Ewing pode surgir em qualquer lugar do corpo, sendo mais comum no fêmur, no úmero, nas omoplatas e na pelve (osso do quadril).

O sarcoma de Ewing extraósseo é aquele que surge em cartilagens e em tecidos que não são ossos. Existe também o sarcoma de ewing no retroperitônio, que é a região revestida pelo peritônio, onde se encontram músculos, vasos e a coluna vértebra. 

O sarcoma de Ewing é mais comum em crianças e adolescentes, mas pode afetar pacientes de todas as idades.

 

Quais os sintomas de sarcoma de Ewing?

Entre os principais sintomas de sarcoma de Ewing, podemos destacar:

– nódulo, com inchaço, sensibilidade ou dor em algum ponto do corpo;
– febre;
– fraturas ósseas que acontecem com excessiva facilidade;
– perda de peso súbita e acelerada;
– fraqueza e cansaços excessivos;
– perda de sensibilidade na ponta dos dedos e nas extremidades do corpo e
– mudanças no caminhar ou compensações na locomoção que acontecem por conta do surgimento de um tumor.

 

Como é o tratamento do sarcoma de Ewing?

O tratamento do sarcoma de Ewing vai depender de sua localização no corpo do indivíduo e também do estadiamento do tumor. Ele pode envolver cirurgia, inclusive com remoção de tecidos saudáveis, para criar uma margem de segurança, dependendo da localidade do tumor.

Além disso, podem ser realizadas sessões de quimioterapia e de radioterapia.

A sobrevida do sarcoma de Ewing pode ser boa, mas esse é um câncer que costuma ser identificado tardiamente, sendo que a pessoa afetada pelo sarcoma de Ewing pode acabar desenvolvendo micrometástases, com as células anormais se espalhando por outras partes do corpo. 

A Oncologia D’Or realiza, por mês, mais de 20.000 atendimentos médicos nos pacientes que estão passando pelo câncer. As mais de 40 clínicas que compõem a Oncologia D’Or estão presentes nos estados de Rio de Janeiro, São Paulo, Distrito Federal, Pernambuco, Maranhão e Bahia.