Hematologia

Hematologia

O sangue, a medula óssea, os linfonodos, o baço e os gânglios linfáticos são estudados na especialidade médica da hematologia.

MARCAR CONSULTA

O que é hematologia?

O sangue, a medula óssea, os linfonodos, o baço e os gânglios linfáticos são estudados na especialidade médica da hematologia.

O sangue é essencial para a vida porque ele é o responsável por transportar oxigênio, hormônios, nutrientes, células brancas, plaquetas e substâncias diversas para todo o corpo.

É de responsabilidade do médico que possui essa especialização realizar o diagnóstico e o tratamento de condições que possam afetar o sangue e o local onde ele é formado, que são os órgãos hematopoéticos, como a medula óssea, responsável por produzir hemácias, leucócitos e plaquetas.

Essa especialidade também pode ser chamada de hematologia clínica.

Por meio de exames de sangue específicos, os médicos da hematologia conseguem descobrir se há algum componente do sangue, de células a nutrientes, que estão alterados e que podem estar causando problemas de saúde diversos no paciente. Esses exames são comandados pela hematologia laboratorial.

Normalmente, a hematologia trata de condições como a leucemia e o linfoma, que são os cânceres do sangue. O mieloma duplo, a hemofilia, a púrpura, os distúrbios de coagulação, a trombofilia e as anemias diversas, como a falciforme, também podem ser tratados por um médico com essa especialidade.

Certas condições sanguíneas, como a leucemia, necessitam de um transplante para devolver ao paciente sua qualidade de vida. Para tanto são realizados procedimentos médicos como o transplante de medula óssea.

Algumas das unidades hospitalares da Rede D’Or São Luiz são credenciadas pela Comissão Nacional de Transplantes como Centros Transplantadores e são totalmente capacitadas para realizar esse tipo de procedimento médico com infraestrutura completa e serviço de excelência em anatomia patológica, quimioterapia e radioterapia.

Além disso, os centros de hematologia possuem profissionais médicos e laboratoriais capacitados para realizar todo o tipo de avaliação e exames necessários para alcançar um diagnóstico preciso e correto, auxiliando o paciente na recuperação de sua qualidade de vida.

Essa especialidade também pode realizar tratamentos por meio de transfusões de sangue, na junção entre hematologia e hemoterapia, que é o uso do sangue como elemento terapêutico.

Normalmente, uma pessoa passa em consulta com a hematologia por recomendação médica de outra especialidade, como a clínica geral, a cardiologia e até a angiologia.

No entanto, caso o indivíduo apresente sintomas como sangramento frequente da gengiva e do nariz, trombose, inchaço nos gânglios e linfonodos, fadiga, cansaço e manchas na pele, é interessante marcar uma consulta clínica com essa especialidade médica para a realização de exames e avaliações.