Medicina Reprodutiva

Medicina Reprodutiva

A medicina reprodutiva é uma especialidade médica que trabalha nos assuntos da reprodução humana, nos casos de infertilidade masculina e feminina e também para auxiliar pessoas com dificuldades para engravidar a terem gestações cheias de saúde.

Marcar Consulta

O que é medicina reprodutiva?

A medicina reprodutiva é uma especialidade médica que trabalha nos assuntos da reprodução humana, nos casos de infertilidade masculina e feminina e também para auxiliar pessoas com dificuldades para engravidar a terem gestações cheias de saúde.

Por tratar tanto de homens quanto de mulheres, a medicina reprodutiva pode englobar diferentes áreas da Medicina, como a Ginecologia, a Obstetrícia e a Urologia.

A medicina reprodutiva realiza investigações acerca da causa da infertilidade e das dificuldades para engravidar e indica diferentes tratamentos para que uma gestação possa ser realizada.

A fertilização in vitro, a inseminação artificial, a micromanipulação e a indução da ovulação são tipos de tratamento que fazem parte da medicina reprodutiva.

As doações de óvulos e sêmen, além da preservação dos gametas, podem ser opções para pessoas que não querem ter filhos no momento, mas querem ter uma chance futura ou querem doar as células para viabilizar o sonho de uma terceira pessoa.

Existem várias causas para a infertilidade, que podem ser desde endometriose e distúrbios dos ovários até a varicocele, que é uma dilatação nas veias do homem, que pode afetar a produção de espermatozóides. A medicina reprodutiva realiza o diagnóstico do que está impedindo a gravidez de ocorrer e indica o melhor tratamento possível para o indivíduo que deseja engravidar.

A especialidade médica da medicina reprodutiva começou a se desenvolver em 1978, com o nascimento de Louise Brown, o primeiro bebê de proveta do mundo. As técnicas que resultaram na gestação e no consequente nascimento chegaram ao Brasil em 1984, sendo que Ana Paula Caldeira foi a primeira brasileira a nascer com essa técnica.

A Rede D’Or São Luiz existe desde 1977 e possui hospitais, clínicas, laboratórios e instituições médicas espalhadas pelos estados de Rio de Janeiro, São Paulo, Distrito Federal, Pernambuco, Maranhão e Bahia e, em um ano, a Rede D’Or São Luiz realiza mais de 30 mil partos.