Ressonância Magnética do Coração Morfológico e Funcional + Perfusão + Viabilidade Miocárdica

Neste exame, é feito um estudo completo do coração, avaliando sua estrutura, com destaque para a irrigação sanguínea do miocárdio. 

O que é Ressonância Magnética do Coração Morfológico e Funcional + Perfusão + Viabilidade Miocárdica?

A ressonância magnética, também conhecida pela sigla RM, ou ressonância nuclear magnética, é um exame que permite visualizar estruturas anatômicas, como ossos e músculos sem necessidade de procedimentos cirúrgicos, portanto menos invasiva.

No caso da Ressonância Magnética do Coração Morfológico e Funcional + Perfusão + Viabilidade Miocárdica, é feito um estudo completo do coração, avaliando sua estrutura, com destaque para a irrigação sanguínea do miocárdio. 

Na chamada viabilidade miocárdica, é observada a presença de necrose no coração, que ocorre após infarto ou outros problema no coração, avaliando se a melhor conduta seria a revascularização ou o transplante cardíaco.

 

Como é feito o exame Ressonância Magnética do Coração Morfológico e Funcional + Perfusão + Viabilidade Miocárdica?

O exame de Ressonância Magnética do Coração Morfológico e Funcional + Perfusão + Viabilidade Miocárdica é feito na máquina de ressonância magnética. O paciente deita na maca, que desliza para dentro de um aparelho circular. É necessário permanecer imóvel por alguns minutos durante o exame. O equipamento é extremamente seguro, com iluminação e ventilação adequadas.

A ressonância magnética funciona à base de poderosos ímãs, que criam um campo magnético que permite a composição de imagens. Por isso deve-se remover objetos metálicos antes do exame.

Outro componente que melhora a qualidade das imagens da ressonância magnética são as ondas de radiofrequência emitidas pela máquina.

 

Para que serve o Exame Ressonância Magnética do Coração Morfológico e Funcional + Perfusão + Viabilidade Miocárdica?

Na Ressonância Magnética do Coração Morfológico e Funcional + Perfusão + Viabilidade Miocárdica, o exame estuda o coração de maneira integral, assim, é possível estudar a saúde do coração após infarto.

Portanto, o exame serve como informativo sobre o melhor tratamento: revascularização cardíaca ou transplante do coração.

Por ano, a Rede D’Or São Luiz realiza mais de 3,4 milhões de atendimentos médicos de urgência e emergência. A Rede D’Or São Luiz está presente nos estados de Rio de Janeiro, São Paulo, Distrito Federal, Pernambuco, Maranhão, Sergipe e Bahia.

Exames e Procedimentos relacionados