Cirurgia Robótica

Cirurgia Robótica

Uma cirurgia é um tipo de procedimento médico que é realizado em um paciente quando há a necessidade de uma intervenção manual ou instrumental do médico no paciente. A cirurgia robótica é o mesmo tipo de procedimento, mas este é realizado por uma equipe médica com um auxílio de um robô.

Marcar Consulta

O que é cirurgia robótica?

Uma cirurgia é um tipo de procedimento médico que é realizado em um paciente quando há a necessidade de uma intervenção manual ou instrumental do médico no paciente.

A cirurgia robótica é o mesmo tipo de procedimento, mas este é realizado por uma equipe médica com um auxílio de um robô, o Da Vinci, que possui quatro braços mecânicos equipados com diferentes instrumentos médicos.
Essa é uma das tecnologias mais avançadas de tratamento médico disponível e os médicos que realizam esse tipo de procedimento são altamente capacitados.

Como é realizada a cirurgia robótica?

Na cirurgia robótica, o Da Vinci é controlado por um médico, que faz os procedimentos com o auxílio da imagem de uma câmera 3D, que existe em um dos braços mecânicos. A câmera 3D permite que o médico veja a área da cirurgia com maior definição e profundidade, o que facilita a realização das ações do robô, controladas pelo médico por meio de um console estilo “joystick”, similar ao de um videogame.

Diferentemente de uma laparoscopia, que também é feita com o auxílio de uma câmera, o robô utilizado para cirurgias robóticas permite que o médico movimente os equipamentos por meio dos braços mecânicos em até 360°, permitindo uma liberdade de movimento maior até do que a que ele teria com seu punho.

Os braços mecânicos do robô são capazes de dar mais estabilidade ao movimento da mão do médico, removendo, por exemplo, possíveis tremores que a mão humana pode ter.

Quais as vantagens da cirurgia robótica?

A cirurgia robótica possui muitas vantagens em comparação à cirurgia tradicional.

Por ser feita com um robô, ela é a garantia de precisão e é bem menos invasiva do que o procedimento tradicional.

Entre outras qualidades, estão a facilidade de acesso a diversas estruturas do corpo, maior amplitude de movimento, maior visão da área a ser tratada e a redução da perda de sangue, do tempo de cirurgia, do desconforto no pós-operatório e do risco de infecção. Outra vantagem é que o tempo de recuperação do paciente é muito mais rápido do que em um tratamento tradicional.

Como surgiu a cirurgia robótica?

A prática médica da cirurgia robótica começou em 1999, com o lançamento do robô Da Vinci, que auxiliava as operações médicas. A técnica chegou ao Brasil em 2008.

A Rede D’Or São Luiz é uma das líderes em cirurgia robótica no Brasil. A rede hospitalar possui ao todo 10 robôs cirúrgicos espalhados por 9 hospitais diferentes. São eles: Copa Star, Copa D’Or, Quinta D’Or, Barra D’Or, São Luiz Itaim, São Luiz Morumbi, Hospital Brasil, Santa Luzia e Esperança Recife.

Nos últimos 3 anos, a Rede D’Or São Luiz realizou mais de 4 mil procedimentos de cirurgia robótica.

Para que serve a cirurgia robótica?

A cirurgia robótica pode ser feita para tratar diversas doenças. Tratamentos como a Prostatectomia, que é a retirada total ou parcial da próstata, e a cistectomia, que é a retirada total ou parcial da bexiga, podem, por exemplo, ser realizados utilizando o robô.

Entre as especialidades médicas que mais fazem uso da cirurgia robótica estão a urologia, a ginecologia e a cirurgia bariátrica.

O preço da cirurgia robótica e as indicações variam de acordo com cada caso. Somente o médico é capaz de orientar se a estratégia de abordagem cirúrgica com robô é a melhor alternativa para o paciente. O site http://www.roboticarededor.com.br traz mais informações sobre o uso de robôs nos hospitais da Rede D’Or São Luiz.